Notícias

Cobrança no SUS é desastre e lembra a ditadura, diz ex-ministro da Saúde

""A proposta de cobrança no SUS é uma ideia desbaratada que não resolve nada. Politicamente é um desastre e conceitualmente é um equívoco: é radicalmente oposta ao que está na Constituição. Significa mais uma tentativa de colocar sobre as famílias brasileiras o ônus do financiamento da saúde.""A análise é do médico José Gomes Temporão, ex-ministro da Saúde (2007-2010) no governo Luiz Inácio Lula da Silva. Atual diretor-executivo do Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde, ele diz ter ficado em ""estado de choque"" quando leu sobre o pacote encaminhado pelo Senado ao Planalto, que recebeu elogios do ministro da Fazenda.""Quando vi a proposta, achei que estava delirando, voltando aos tempos da ditadura militar, com ideias desse tipo, como as de Leonel Miranda [ministro de 1967 a 1969], que propunha a privatização de toda a saúde brasileira"", diz Temporão, 63, à Folha.Para ele, o projeto ""soa mais como uma provocação do governo em relação à saúde pública. Não há ninguém no setor que sustente uma proposta que é absolutamente nefasta para a saúde no país"". Lembra que, há uma semana, um congresso do setor pediu o aprofundamento no financiamento à saúde.Na sua visão, a questão do financiamento da saúde pública necessita mudanças estruturais. ""Tem a ver com financiamento da seguridade social, com uma refor

Após embate com associações médicas, governo recua e vai revisar decreto

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse nesta quarta-feira (12) que o governo vai revisar o decreto que cria um cadastro nacional de especialistas, anunciado na última semana –e que tem gerado polêmica no setor.O texto será analisado por uma comissão formada por membros dos ministérios da Saúde e Educação, deputados da base aliada e representantes das entidades médicas.A medida ocorre após protestos de associações médicas, que ameaçaram recorrer à Justiça contra as medidas anunciadas pelo governo para marcar os dois anos do Mais Médicos.Para as associações,

Melhora na saúde pública requer crescimento econômico

Retomar o crescimento do Brasil é uma tarefa que precisa ser encarada com urgência — e não se trata apenas de aumentar as oportunidades para as empresas, reaquecer o mercado de trabalho e pôr o país de volta nos trilhos.Alguns dos problemas que vão nos afligir nos próximos anos serão mitigados apenas com a melhora da economia. Um exemplo vem da saúde pública. De acordo com um estudo do Centro para o Desenvolvimento Global — instituição com sede nos Estados Unidos, dedicada a pesquisar os efeitos das políticas públicas nos países em desenvolvimento —, o aumento

Para ministro da Saúde, reação de médicos a decreto é 'patética'

Em meio a um embate com as entidades médicas, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, saiu em defesa do decreto que prevê a criação de um cadastro nacional de especialistas e disse que a reação da categoria em torno do tema é ""patética"".""Chega a ser surreal ter que estabelecer uma polêmica em torno de um cadastro. É patético"", disse nesta terça-feira (11).""Talvez a intenção de abrir fogo seja outra que não o cadastro de especialistas, uma ferramenta de gestão simples"",Sete entidades médicas lançaram um manifesto na última sexta-feira (7) em que ameaçam entrar na Justiça contra as medidas anunciadas pelo governo para marcar os dois anos do Mais Médicos.Para o grupo, o documento abre brecha para

Proposta de cobrança no SUS não é viável nem tem eficácia, diz Chioro

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, afirmou nesta terça-feira (11) que a proposta de uma cobrança no SUS por faixa de renda, apresentada ao Planalto por líderes do Senado para ajudar na recuperação da crise política, segue um modelo ""que não tem eficácia"".Para Chioro, já há uma forma de cobrança no SUS, ""em que a população contribui com impostos"".""Não acredito que haja viabilidade na proposta tal como ela em um primeiro momento aparece, com cobrança por classe social. Isso seria equivalente ao modelo chileno, que não mostra nenhuma eficácia"", disse, em evento de lançamento da campanha de vacinação contra a pólio.O ministro evito
Página 0 de 334)

Desenvolvido por MakeIT Informática