Notícias

Qualicorp aprova redução de capital

O conselho de administração da Qualicorp aprovou ontem a reduç&at

'Caminhão da saúde' oferece cursos gratuitos em Petrópolis, no RJ

Unidade ficará no Hospital Santa Teresa até esta quarta-feira (8).Estudantes e profissionais que não se inscreveram podem visitar a unidade.O Hospital Santa Teresa (HST) em Petrópolis, Região Serrana do Rio, em parceria com a empresa Medtronic - Covidien realizam nesta segunda-feira (6) até a quarta (8) uma série de treinamentos gratuitos direcionados a profissionais da área de saúde. A Unidade Móvel Educacional Covidien (UMEC) é um projeto inovador, pois toda a estrutura do curso é realizada dentro de um caminhão de 18 metros de comprimento e 4,5 metros de altura, equipado com simuladores cirúrgicos e aparelhos para aulas práticas, além de

Mercado nacional deve movimentar R$ 132 bi em 2015

Nos últimos anos, o mercado brasileiro de medicamentos tem apresentado expressivo crescimento na esteira da melhoria da renda da população, do maior acesso a tratamentos médicos, da expansão dos usuários de planos e seguros privados de saúde e do crescimento vegetativo da população.Com isso, o Brasil se posicionou entre os seis maiores mercados farmacêuticos mundiais, com a movimentação de R$ 125,1 bilhões no ano passado, e deve galgar mais uma ou duas posições até 2018, segundo dados de um estudo inédito do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), que passará a acompanhar a evolução trimestral do setor.Para 2015, a expectativa é a de que o valor das vendas de medicamentos no país, considerando­se os três canais de comercialização ­ os próprios laboratórios, distribuidores e varejo farmacêutico ­ mais as exportações, alcance R$ 132,15 bilhões, com alta de 5,7% em termos nominais e queda real superior a 2%, já reflexo da crise econômica e do contingenciamento de recursos públicos que afeta também a área de saúde. Desse valor, R$ 50,18 bilhões devem ser gerados em vendas diretas dos laboratórios, R$ 27,79 bilhões por meio de distribuidores e R$ 54,18 bilhões pelas redes de drogarias.No primeiro semestre, de acordo com presidente do conselho superior do

Save the date: Hospital Innovation Show

Nos dias 28 e 29 de setembro (8h-18h), a América Latina vai presenciar um momento histórico para a saúde no Centro de Convenções Rebouças – HC – FMUSP (Av. Rebouças, 600). Gestores, médicos, ministros, startups e robôs, irão se reunir para o primeiro tradeshow de inovação para o setor hospitalar. Um evento sobre soluções, aplicações, implementação, para discutir gestão como ela de fato acontece: na prática. Fabricio Campolina, Presidente do Conselho de Administração da Abimed, participará do debate “Fomento à Inovação no Brasil” dia 28 de Setembro às 10h

O projeto de lei que pretende acabar com a demora nos testes de novos medicamentos

Um novo medicamento só chega ao mercado se for testado em milhares de pessoas e, quase sempre, em vários países. É uma exigência básica de entidades regulatórias como a Food and Drug Administration (FDA), nos Estados Unidos, ou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no Brasil. Se não conseguir incluir um número adequado de pacientes nesses estudos clínicos, a indústria farmacêutica não produz – e não lucra. Ela é a primeira interessada em realizar testes em humanos com rapidez. Mas não é a única. A pesquisa clínica traz desenvolvimento científico aos investigadores (médicos e outros profissionais), recursos financeiros às instituições públicas ou privadas onde ela é realizada e oportunidade de tratamento aos pacientes. Para muitos, ser voluntário é a única chance de receber atendimento adequado e acesso a um medicamento promissor, quando os remédios disponíveis deixam de funcionar.Os milhares de pesquisas clínicas rea­lizadas no Brasil não são regidos por lei. As normas são ditadas pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), órgão ligado ao Conselho Nacional de Saúde. Um novo projeto de lei, apresentado em abril pelos senadores Ana Amélia (PP-RS), Waldemir Moka (PMDB-­MS) e Walter Pinheiro (PT-BA), pretende regulamentar a atividade. O tema foi debatido numa audiência pública em março do ano passado. “Chegamos ao consens
Página 0 de 301)

Desenvolvido por MakeIT Informática